Andando por Camden Town – o mercado alternativo de Londres

A cultura pop e alternativa de Londres é um dos grandes atrativos para quem deseja conhecer a cidade e seus arredores. A cena cultural e descolada de Camden Town atrai visitantes aos montes, deixa suas ruas apinhadas de gente, e faz a fama dos ingleses que sabem, mesmo na bagunça, deixar tudo bem organizado. Eu, como visitante também, fico admirado em ver tantas ‘tribos’ entorno de mercados tão diversos e reinventando a lógica das coisas.

Camden Town tem muito de contracultura, mas ao fazê-lo abre espaço para que culturas diversas se manifestem. Parece uma mistura de estilos condessados ao longo das últimas décadas e que criam um jogo de luzes e cheiros sem igual. Assim, da cena punk à música eletrônica, Camden Town também tem um repertório gastronômico ímpar: estamos a falar dos veganos, orgânicos, pequenos produtores e cultores de receitas mirabolantes. Há de tudo um pouco e isso faz a fama do lugar.

Mas, quando falamos em Camden Town tenha em mente que estamos falando num distrito com vários mercados próximos. São eles:

  • The Stables Market
  • Camden Lock
  • Inverness Street Market
  • Buck Street Market
  • Canal Market

Confesso ter dificuldade em separar estes mercados, embora eles tenham suas próprias características e origens. A proposta é andar pela região e ir descobrindo o lugar.

E aí, topa uma culinária profana?

Quer uns óculos aberrantes? Ou camisas com estampas que parecem desenhos animados saídos de um filme de terror? Que tal braceletes com pontas de aço no melhor estilo punk? ah, há tanta coisa para se ver em Camden Town que como bom turista me vi tirando fotos até das barraquinhas de souvenirs.

Adentrando mais pelos corredores dos mercados de Camden Town você também irá encontrar muitas oficinas de arte, ateliês, estúdios de designers, tatuagens, piercings, lojas e lojas de artigos vintage e de artesãos locais. Descobri-lo e fotografá-lo é o que geralmente faz o turista.

Camden Town já foi morada de alguns artistas famosos, como o escritor Charles Dickens (o clássico Oliver Twist foi inspirado no lugar), o poeta Rimbald também já residiu por ali. A lista na verdade é longa, pois até Morrissey, da banda The smiths já viveu ali. Mas, de todos, a figura que já morou e mais combina com o lugar é de fato Amy Winehouse, que ganhou uma estátua no lugar e se tornou um ponto para tirar aquela foto.

Amy Winehouse em Camden Town

Um mineiro que gosta de histórias, e acha que escrever e ler é o melhor passatempo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *