Arco da Rua Augusta – um miradouro bacana de Lisboa

Em Lisboa não se diz mirante, e sim miradouro. Assim, os miradouros na cidade são diversos e proporcionam belas visões da cidade já que Lisboa, tal como Roma, foi construída sobre 7 colinas. Já no bairro da Baixa Pombalina (só Baixa para os íntimos) você pode subir num baita cartão postal e ter uma baita vista bacana da cidade e do Rio Tejo. Estou falando do Arco da Rua Augusta.

Golpe em Lisboa ma Praça do Comércio, com o Arco Monumental da Rua Augusta, ao fundo

Praça do Comércio, com o Arco Monumental da Rua Augusta, ao fundo

A subida vale, primeiro, porque é barata: 2,50 euros, sendo gratuita se você tiver o Lisboa Card. Segunda, porque a visão de lá de cima é uma coisa bacana de doer. Eu mesmo não imaginava, só subi porque estava incluso no Lisboa Card.

Subindo o primeiro lance de escadas você chegará a uma sala no patamar médio com uma pequena exposição, com informações sobre o Arco Monumental. Subindo o segundo lance de escadas você chega ao terraço.

A visão é show de bola.

Rio Tejo, ao fundo

Rio Tejo, ao fundo

Lisboa em 360º. Apesar de ser um ponto baixo da cidade, a visão é muito bacana, porque você vê a Praça do Comércio, o Rio Tejo, a Rua Augusta, as ladeiras do bairro da Alfama com a Catedral da Sé no alto… bem lindo.

Telhadinhos de Lisboa e Catedral da Sé, ao fundo

Telhadinhos de Lisboa e Catedral da Sé, ao fundo

Recomendo ir lá perto do pôr do sol. Os tons alaranjados sobre a cidade tornam a visão especialmente bonita. Na minha visita, em meados de junho, um bando gigantesco de pássaros negros sobrevoava a cidade. Pareciam cinzas dançando no azul-alaranjado do céu, uma coisa magnífica.

Praça do Comércio

Praça do Comércio

O sino que fica no terraço você pode (e deve :P) tocar. Só depois de ver os outros fazendo eu me toquei.

Perdi a noção do tempo ali em cima e, se você conseguir deixar seus pensamentos voarem com os pássaros no céu enquanto o sol se põe, pode ser que lhe aconteça o mesmo.


Todos os caminhos levam a:

ARCO DA RUA AUGUSTA

Onde: Rua Augusta, nº 2, Lisboa.

Quando: sempre verificar, horário muda conforme estações do ano. Normalmente funciona das 9 às 20 ou 21 horas, com a última entrada 15 minutos antes do fechamento. Vá próximo do pôr-do-sol. 😉

Quanto: 2,50 euros (preço em 2017). Gratuito se você tiver o Lisboa Card.

Sou servidor público, paulistano e fã de Beatles. Viajar me dá motivos para escrever e escrever me dá desculpas para viajar. Tenho um calendário em casa e um na mesa do trabalho, no qual planejo feriados, férias e viagens.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *