Comer em Praga: Trdelnik

Não é novidade que viajar e experimentar estão extremamente interligados, e as comidinhas são parte essencial da experiência de conhecer novos lugares. Guarde este nome para quando ir a Praga: TRDELNIK. A escrita complicada é o nome de um doce simples e delicioso que precisa ser provado por quem quer que se aventure na capital da República Tcheca.


Trdelnik, doce em formato cônico confeitado e recheado com nutella
O fotogênico Trdelnik

Se você jogar o termo na Wikipedia ela vai te dizer que o Trdelnik é um “bolo de espeto”. A definição interessante não cobre por completo a iguaria. O Trdelnik é uma massa fofinha em forma cilíndrica, coberta por açúcar e uma mistura de nozes. Tradicionalmente seria só isso.

Mas há adições modernas que deixam o doce muito mais divertido.


Praga vista de dentro de um Trdelnik recheado com Nutella
Praga vista de dentro de um Trdelnik recheado com Nutella

Peça o seu Trdelnik com Nutella e, se você for fã de doces, provavelmente terá comido o melhor doce da viagem. O bacana é que ele é grande, então dá para dividir ou, se você estiver sozinho, se esbaldar. É comum servirem ele com sorvete também.

Você vai encontrar o doce em outros lugares no Leste Europeu, mas o lugar que mais se identifica com o Trdelnik é a República Tcheca. Lá você encontrará a iguaria com facilidade: andando pelas ruas do Centro, não faltam quiosques com uma imitação simpática do doce em tamanho família.


O preço é tranquilo: você vai achar o Trdelnik com Nutella ou outro chocolate similar por algo entre 2,40 e 3 euros. O Trdelnik sem adições fica em torno de 2 euros. Há opções com sorvete, com sorvete e nutella, com sorvete, nutella e morangos, bem… o céu é o limite.

Escolha o seu preferido, prove e me conte depois!

Ps: não vai pra Praga e quer provar o doce? Bem, se você estiver em São Paulo, tem um quiosque da Trodlo no 3º piso do Shopping Center 3 (Avenida Paulista, 2064) que vende o doce! Ainda não provei, mas da próxima vez que passar por lá, um Trdelnik será experimentado! 🙂

Sou servidor público, paulistano e fã de Beatles. Viajar me dá motivos para escrever e escrever me dá desculpas para viajar. Tenho um calendário em casa e um na mesa do trabalho, no qual planejo feriados, férias e viagens.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *