Costanera Sky: Visitando o prédio mais alto da América Latina

Embora eu tenha medo de altura, confesso que os lugares altos me atraem. Talvez seja a ideia de ver o mundo “mais inteiro” lá de cima que desperte meu interesse. Pensando nisso, em minha viagem a Capital Santiago, não poderia ficar de fora o edifício mais alto da América latina: falo do Costanera Sky.

Sky Costanera

O prédio mais alto da América latina: Sky Costanera!

Eu havia lido um ótimo relato no Blog Nós no Chile de como era visitar o Sky, de forma que isso só aguçou minha vontade. É emblemático que um país cercado por uma gigantesca Cordilheira construa também o seu moderno arranha-céu. É mais emblemático ainda se pensarmos que este país está sujeito a fortes terremotos. Isso me faz suspeitar de algo: o Chile tem algo de diferente.

Sky Costanera

A entrada do Sky Costanera fica um piso abaixo do térreo do Shopping Costanera Center.

Após andar um pouco pelo Shopping Costanera Center, localizado na base da torre, e não encontrar onde ficava a entrada para subir, tive que procurar ajuda no guichê de informações.  Tudo se resumia ao que o segurança havia dito minutos antes: “PB”, isto é,  “planta baja“. E por planta baixa entenda-se subsolo. A entrada do elevador que dá acesso ao mirante fica um piso abaixo do nível da rua. Simples assim, depois que a gente sabe.

Tickets comprados (8 mil pesos, algo próximo de 41 reais, pois era no sábado), ficamos numa fila que foi bem rápida. Como estávamos nos dias de comemoração da Pátria (independência do Chile se comemora no dia 18 de setembro), a guia estava vestida de roupas típicas da cultura chilena, mas, pasmem, era uma brasileira que morava no Chile. Super simpática, puxou conversa, foi bem bacana conosco e nos sentimos muito bem recepcionados. Enquanto na fila as pessoas de outras nacionalidades aguardavam em silêncio a chegada do ascensor (elevador, em espanhol), nos sentíamos mais brasileiros que nunca, trocando ideias com uma brasileira com carinha de chilena.

O elevador sobe rápido, são 61 andares em menos de um minuto. Ao descer, adentra-se um salão claro, com vidros em volta: estamos no mirante! O lugar é bem bonito, moderno, seguro e amplo. Lá de cima, os outros prédios parecem caixinhas de sapato, ou melhor, caixinhas de fósforo.

Sky Costanera

360º de Santiago do Chile. Em dias de sol e de pouca poluição é possível ver a Cordilheira dos Andes.

Existe ainda uma escada rolante que dá acesso a um piso superior Open Sky (62), envolto por vidro,  mas sem a cobertura superior. É bem mais legal,  seja porque o ar natural é mais agradável  seja porque com sol as fotos ficam melhores.

Sky Costanera

O melhor está por vir: Open Sky no andar superior.

Passamos uma hora por ali,  buscando detalhes da cidade, sabendo que o visitante pode ficar o tempo que quiser.  Por outro lado, esta tende a ser uma atração de pouca duração, pois não há muito o que fazer. Você se deslumbra bastante no começo, depois pensa: “vou descer”. Acho que poderia ter um café, um Bistrô… Isso já daria uma dinâmica ao lugar. O que acham?

Sky Costanera

Bem ao longe… a Cordilheira.

De qualquer forma, o Sky Costanera tende a se tornar uma parada obrigatória para os visitantes de Santiago. É uma outra forma de ver a cidade, propiciando uma landscape interessante: uma cidade plana com cerros que se despontam “do nada”. Vale a pena a visita e indico com certeza!

Santiago - sky costanera

Com vocês… Santiago do Chile!


Todos os caminhos levam a:

Sky Costanera

Onde: Localiza-se junto ao Shopping Costanera Center, na Avenida Andrés Bello 2425, Providencia, Región Metropolitana, Chile.

Quanto: Relação completa de preços conforme o dia e faixa etária >> Aqui 

Quando: Todos os dias da semana (incluindo feriados) das 10h00 às 22h00 (última subida do elevador às 21h00)

 

Um mineiro que gosta de histórias, e acha que escrever e ler é o melhor passatempo.

Um comentário sobre “Costanera Sky: Visitando o prédio mais alto da América Latina

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *