Dica de uma ótima hospedagem no centro histórico de Sevilha: Hotel Fernando III

 

Fiz uma reserva de 3 noites no hotel Fernando III, em Sevilha. O que mais pesou na decisão foi a incrível localização no histórico bairro de Santa Cruz, perto das atrações mais importantes: Catedral de Sevilha (500 m), Real Alcázar (600 m) e Plaza de España (1,4 km). Outro ponto que considerei na escolha foi o aspecto interno do quarto, com aparência de mais moderno, embora estivesse num edifício histórico. Tivemos uma ótima experiência, que compartilho nas linhas abaixo.

Chegamos no hotel já bem tarde da noite e a primeira impressão foi boa. Ampla recepção, com atendente solicito e check-in sem demoras. Entramos no quarto e as fotos que vimos no booking estavam bem parecidas com a realidade. O quarto é realmente bem espaçoso!

Hotel Fernando III

Quarto com mobília moderna, austera e muito espaço para malas.

Hotel Fernando III

Espelho grande merece um ponto a mais na avaliação. Só água de cortesia de boas-vindas merece um ponto a menos. Por que não uma garrafinha de 187 ml de um vinho espanhol?

O banheiro deixou um pouco a desejar. Embora estivessem limpos, o Revestimento em pedra de ardósia não passa uma boa sensação. Aqui parece que a reforma foi feita às pressas, sem zelo e pouca atenção. Tudo funcionou bem, mas ainda assim os detalhes sugerem uma avaliação mediana.

Hotel Fernando III

O banheiro não é ruim, mas também não podemos dizer que é bom. Faltou aquele algo a mais, tipo, uma decoração clean de azulejos brancos, onde a limpeza fosse algo visível.

No outro dia, já bem descansados, fomos tomar o café e conhecer as áreas do hotel. O salão onde o café é servido é espaçoso, mas percebi que em certos momentos fica cheio e com filas. Aconteceu. O café em si é muito bom, com boa variedade, mas que precisa de uma reposição mais eficiente.

Parece trivial dizer isso, mas acho que não: o hotel tem cara e jeito de Sevilha. Quero dizer, não se trata de uma decoração internacionalizada que tenta reconstruir através de papéis de parede o jeito do lugar. Em outras palavras: você sai das ruas e entra no hotel e continua a respirar aquela atmosfera andaluza. Vejam:

Hotel Fernando III

O bar do hotel: maravilhosamente um pedaço de Sevilha. Tudo bem bonito!

Hotel Fernando III

Sim, há espaço de sobra para se acomodar entre uma espera e outra.

O terraço do hotel é bem cuidado e tem uma piscina sazonal (aberta no verão) e um bar. Como estivemos hospedados no inverno, uma vez que a piscina estava fechada, o hotel oferecia jantar ao som de música ao vivo (piano). Passamos lá uma noite e, embora frio, o lugar estava lindo, a música agradável e os preços eram razoáveis. Só tinha um detalhe: não havia ninguém. Sim, não é fácil competir com os inúmeros bares e restaurantes tão próximos do hotel.

Hotel Fernando III

Um terraço maravilhoso, mas sem gente. Fazia frio no dia.

Acho que as avaliações do Hotel Fernando III no booking são bem compatíveis com a realidade: localização excelente, quartos espaçosos, staff simpático, terraço que é uma verdadeira atração turística!

Pontos negativos? há um que não pode ficar de fora: WiFi lento! É algo que precisa ser melhorado!

Já na saída, vale lembrar de um acontecimento. Nosso vôo da Ryanair sairia em breve e tínhamos esquecido de imprimir os vouchers. Ficamos muito satisfeitos com o atendente que, não apenas os imprimiu, como o fez sem demoras e com grande simpatia. No fim das contas, são estes pequenos detalhes que fazem a gente querer se hospedar no mesmo lugar.

 

Todos os caminhos levam a:

Hotel Fernando III

Onde: Calle San José, 21 – Bairro de Santa Cruz.

Quanto: 3 diárias para duas pessoas no mês de novembro saíram por 264 euros.

Um mineiro que gosta de histórias, e acha que escrever e ler é o melhor passatempo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *