Como administrar o cansaço em uma viagem a Orlando

Gestão de cansaço é algo real a se considerar em viagens. Algumas requerem maior cuidado com isso. Se você não souber administrar seu cansaço numa viagem a Orlando, metade da sua viagem pode ser um tanto sofrível.

Eu digo metade porque na primeira metade é capaz de a empolgação conseguir te levar além dos seus limites naturais. É a magia Disney, sabe? Ela realmente existe. 😛 Mas chega uma hora que é impossível ignorar o cansaço.

"I'm going to need a vacation from this vacation". Placa no Island of adventures

Em vários meses do ano, especialmente em meses bacanas de ir para Orlando, como agosto e setembro, a cidade é quente. Temperaturas acima dos 30 graus são a lei. Só isso já exaure um pouco da energia (não estou reclamando, eu AMO o calor!). Brincar também cansa pra danar! Uma canseira maravilhosa, mas ainda assim canseira.

É consenso nos blogs Disney afora que após alguns dias de parque o cansaço começa a bater meio forte. Por isso, algumas dicas básicas.

  • Tente montar um roteiro que coloque dias que eu chamo de “dias de quebra” entre os dias de parque. Por “quebra” eu quero dizer dias em que você faça atividades que não sejam brincar no parque, como compras, passeios pela cidade, etc. Nos meus 08 dias de Orlando a quebra ficou mais ou menos no meio, e nesse dia fomos no Walmart, na Orlando Eye e no Cirque du Soleil. Neste dia, acorde mais tarde! 😉
  • Use um calçado confortável nos parques. Você vai andar bastanteeeee, então conforto é essencial e indispensável! Roupas devem ser igualmente confortáveis.
  • Durma! É bem óbvio, mas a gente fica tão pilhado com tanta coisa legal que tende a deixar o sono em segundo, terceiro ou quarto plano, principalmente nos primeiros dias da viagem. Mas umas boas horas de sono são essenciais pra aproveitar legal os parques no dia seguinte, sem andar se arrastando entre os brinquedos. Não vá nessa de “não vou dormir em dólar”. Nem mesmo a magia Disney que substitui o sono! 😉

São cuidados básicos para um melhor aproveitamento da sua viagem. Tão básicos quanto ignorados, na maior parte dos casos. Feito isto, o resto é só diversão!

 

Sou servidor público, paulistano e fã de Beatles. Viajar me dá motivos para escrever e escrever me dá desculpas para viajar. Tenho um calendário em casa e um na mesa do trabalho, no qual planejo feriados, férias e viagens.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *