Conhecendo o melhor de Campos do Jordão: atrações imperdíveis

Entrada de Campos do Jordão

Campos do Jordão, localizada na Serra da Mantiqueira, é uma linda cidade de montanha que fica a 2h30 de carro de São Paulo. É perfeita para um bate e volta de fim de semana e feriado, ou mesmo para relaxar num estada mais longa que priorize ar puro, boa comida e belíssimas paisagens.

Meu roteiro de Campos do Jordão é curtinho, foi feito em família e em 2 dias. Diferentemente de tentar aproveitar um pouquinho de cada atração, fizemos um circuito mais restrito e que penso ser uma ótima opção para quem tem pouco tempo ou, assim como eu, pretende voltar mais vezes.

Minha visita se deu fora de temporada (mês de maio), sendo que a vantagem nesta época é pegar preços mais baixos e um fluxo mais tranquilo de turistas. Por outro lado, o frio nesta época ainda é leve, dispensando os casacos mais pesados.

Morro do elefante e teleférico

Morro do Elefante, que segundo a lenda, tem este nome porque possui o formato da tromba de um elefante.

Começamos nosso passeio pelo Morro do Elefante (1800 metros de altitude), um mirante bem conhecido de quem visita Campos do Jordão. O lugar tem uma vista bonita do centrinho de Capivari e conta com uns jardins e algumas lojinhas. Subimos o morro de carro, o estacionamento é bem confuso e mal estruturado, mas um dos maiores atrativos do Morro do elefante é subir de teleférico de cadeirinha (25 reais por pessoa), sendo permitido a crianças a partir de 1,40 m de altura (independe da idade) podem fazer o percurso (as cadeirinhas são individuais).

O teleférico de Campos do Jordão é o mais antigo do Brasil. Construído nos anos 1970, suas cadeirinhas suportam, segundo dizem, até 500 Kg.

Vila Capivari, restaurantes e lojinhas

Centrinho de Capivari, com ruas apenas para pedestres e muito verde, bela arquitetura e atrativos restaurantes.

A Vila de Capivari é um bairro charmoso que abriga os principais restaurantes e lojas turísticas da cidade. Um lugar para percorrer à pé, como se estivéssemos fazendo turismo em alguma cidade européia. Não por acaso, Campos do Jordão já foi apelidada de “Suíça brasileira”, pois o clima de montanha, a arquitetura lembram aquele país de cumes elevados.

Há muitos lugares bonitos em Capivari pra tirar suas fotos. Este é um deles.

Há incríveis restaurantes em Campos do Jordão para todos os bolsos. Mas, como nossa proposta era um passeio em família e pretendíamos andar bastante pelo centrinho de Capivari, optamos pelo Pastelão do Maluf, que são enormes e com apenas um você já se sente bastante saciado. Se estiver com crianças então, vão adorar. Os preços custam em média 20 reais. Há mesas ao ar livre para se sentar (tão úteis nos tempos atuais).

Pastelão do Maluf, um conhecido ponto turístico e sempre cheio de turistas. Por quê? Simples, enormes pastéis de feira bem recheados. Acho que se a ideia é fazer um lanche no horário de almoço o Pastel do Maluf é uma ótima opção.

Se a ideia é estender um pouco mais o almoço, o bar/restaurante da Baden Baden é uma opção clássica de quem vai a Campos do Jordão. Amplo salão (capacidade para 600 pessoas), cardápio variado, com várias opções de petiscos e cervejas, e espaço família pra criançada se entreter.

O bar/restaurante da Baden Baden é um badalado ponto turístico de Campos do Jordão. Com mesas ao ar livre, para aproveitar uma cerveja artesanal da casa e ver o movimento de pessoas na rua
Fonte: https://obadenbaden.com.br/
Uma loja de meias para todos os gostos. Divertidas, clássicas, esportivas, enfim, uma ótima recordação para se levar de Campos do Jordão.

Você Sabia?

A Cidade de Campos do Jordão, a 1628 m do nível do mar, é o mais alto município brasileiro, considerando a altitude da sede.

Parque Amantikir

Não seria exagero dizer que deixei o melhor para o final (rs). Pra mim, a visita ao Parque Amantikir foi o ponto alto do passeio a Campos do Jordão. Já era dia de ir embora, e deixamos pra conhecer os jardins do Amantikir de tarde.

A organização do parque é muito boa, pois basicamente você segue um trajeto contínuo que passa por diversos tipos de jardins temáticos: japonês, romântico, inglês, labirinto, alemão, austríaco etc. Ao todo são 28 jardins, com mais de 700 espécies de plantas!

Jardim labirinto. Acredite, não será fácil achar a saída
Casa da árvore, quem nunca sonhou em ter uma?

Os Jardins Amantikir estão abertos todos os dias do ano! sim, 365 dias no ano das 8h30 às 17h. A entrada custa 40 reais, mas há descontos para certas categorias. Para saber mais clique AQUI.

Campos do Jordão possui muitas outras atrações que poderiam fazer parte da lista acima. São ainda lugares que prometem:

  • Museu Felícia Leirner (reúne 85 obras de arte da artista Felícia Leirner dispostos ao ar livre numa bela integração arte e natureza)
  • Trilhas na Pedra do Baú (há muitas opções para quem curte natureza, caminhada e belas paisagens naturais)
  • Iceland bar de gelo (localizado no coração de Capivari, um bar feito totalmente de gelo)
  • Palácio Boa Vista (museu com visitas gratuitas, reúne um grande acervo de obras de arte de renomados artistas brasileiros)
  • Turundu (centro de lazer para crianças, com tirolesa, orbitball, minigolf e muitas outras atividades ao ar livre
  • Fábrica de chocolates Araucária (um dos produtores de chocolates artesanais mais conhecidos e tradicionais de Campos do Jordão)
  • Bosque do Silêncio (para quem curte caminhadas em meio a natureza)

Sigam o Blog Todos os Caminhos nas redes:

Um mineiro que gosta de histórias, e acha que escrever e ler é o melhor passatempo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *