EL MORO – os melhores churros da Cidade do México

O churro é uma dessas iguarias herdadas do mundo ibérico e que tem tudo a ver com o México. Apreciado quente, com doses fartas de açúcar e com possibilidades de um mergulho achocolatado sem precedentes, ele é enjoativo, mas igualmente irresistível. E em matéria de churros, na Cidade do México o lugar mais indicado é a Churreria EL MORO (qualquer semelhança não passa mesmo de qualquer semelhança, rs), que fica na Calle Génova, 59 (um endereço que vale a pena visitar).

O diferencial da churreria El Moro, já endereço reconhecido da cidade, pois existe desde 1935, é o frescor dos churros, preparados o tempo todo e num ritmo que parece alimentar toda a Cidade do México. Exageros à parte, que bem cabe como adorno mexicano, El Moro lembra, num paralelismo sem precedentes, com a Antiga Confeitaria de Belém, porque além da boa receita, oferece o produto fresco a toda hora do dia. Assim, como quem vai a Portugal não deve jamais deixar de experimentar os famosos pastéis de Belém, digo-vos aqui que se fores para a Cidade do México, não deixe também de apreciar os churros El Moro.

Há sete churrerias El Moro espalhadas por CDMX e eu visitei aquela localizada na calle Génova, 59, que é uma rua bastante badalada do bairro de Zona Rosa. El Moro tem toque clean, moderno, branco com detalhes em azul. Nada em excesso e nada minguado. Basicamente, você chega e entra numa fila que flui rápida, o cardápio com preço está pintado na parede e no caixa basta escolher o combo que vos agrada. Vejamos, 4 churros puros (sem a xícara de chocolate) custam 20 pesos (uns 5 reais) e se for acompanhado pela xícara (recomendo) custa 72 pesos (18 reais). Ou seja, o preço é muito bom diante do que é oferecido em fartura.

Dali, é só pegar sua bandeja e seguir para o piso superior, que é bastante amplo, com mesas sortidas e cadeiras voltadas para a varanda aberta para a rua. O lugar é alegre e jovial, e funciona até altas horas. Aliás, abre cedo também, às 7h já tem churros quentinhos saindo. Já pensou tomar café comendo churros? Não, eu nunca pensei nisso, mas é bom saber que uma porta aberta é sempre um convite para novas experiências.

Todos os caminhos levam a:

Churreria El Moro

Onde: Calle Génova, 59 (bairro de Zona Rosa). Este endereço é fácil para quem está a passear pelo Paseo de la Reforma.

Porém, fica a dica: numa esquina e diante do Parque Municipal do México, no bairro Condesa, há uma unidade EL MORO que de tão linda vale a pena visitar>> Av. Michoacán, 27 – Hipódromo.

Para ver todos os endereços (ubicaciones) clique AQUI.

Quando: cada unidade tem horários diferentes, mas uma coisa é certa: das 8h às 23h vai estar aberto. Na unidade que fui, abre normalmente às 7h e na sexta e sábado vai até 1h da manhã.

Quanto: cardápio com preços AQUI.

Um mineiro que gosta de histórias, e acha que escrever e ler é o melhor passatempo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *